Concurso Fotográfico da Home-Page do Passat

Você pega a câmera e diz que vai tirar “umas fotos”, mas em poucos minutos já fez dezenas de fotografias? Já fotografou todos os ângulos imagináveis do seu Passat? Quando vai a um evento de carros antigos, o cartão de memória fica pequeno?

concurso_blogEntão o assunto é pra você… É com orgulho que iniciamos nosso primeiro Concurso Fotográfico da Home-Page do Passat. Aqui você manda sua foto, tendo o Passat como personagem (único ou não) e concorre a três livros “Clássicos do Brasil: Passat“.

Os autores das três melhores fotos receberão o esperado livro sobre a história do Passat
Os autores das três melhores fotos receberão o esperado livro sobre a história do Passat

As regras estão todas no site, é só clicar aqui e conferir. Leia com atenção e participe! Você tem até o dia 30 de março para enviar suas fotos… Avise também os amigos passateiros e fotógrafores (amadores e profissionais)!

Aguardamos as suas fotos!

Foto antiga: TS 1977 cobre metálico.

Um verdadeiro achado, não só pela versão, mas pela cor. Um Passat TS 1977 na cor cobre metálico, uma cor menos popular na época, mas cobiçada atualmente.

175910120_1491572655_z
Crédito: Wilson Melo

Por onde anda este carro atualmente? Será que está bem preservado?

Pra lá de Bagdá… Continuação.

E o meu amigo Marwan Gassan, diretamente do Iraque, me envia mais algumas fotos daquele LSE do último post… Não faço idéia do motivo da sujeira e da limpeza parcial. E só agora reparei que são “fotos de fotos”.

Ao fundo da primeira foto… Outro Passat!

404296_323876140982245_125370695_n 404867_323876594315533_51494285_n

Pra lá de Bagdá…

Enquanto ainda não consegui resolver por completo meus problemas técnicos (mas estamos chegando lá… pelo menos eu espero), vai um pequeno post para que ninguém pense que os leitores do blog foram abandonados…

Meu novo amigo Marwan Gassan, diretamente do Iraque, publicou esta foto hoje em seu perfil do Facebook. Já reparei que por lá os sobre-aros são relativamente fáceis de encontrar. E as fotos dos Passat que circulam não apenas no Iraque, mas em todo Oriente Médio, tem sido mais fáceis de encontrar, ao contrário de alguns anos atrás. Vai que vira outra série do blog? Quem sabe…

bagda01A sujeira? Ah, nada que água e sabão não resolvam. E se alguém aí souber o que diz a legenda da foto, agradecemos o esclarecimento…

Encontro mensal do Museu

Prezados amigos que acompanham o nosso blog, antes de mais nada devo desculpas pela ausência de atualizações desde o carnaval. O hiato deste blog vem sendo causado por problemas no meu computador, que ainda não foram solucionados (o componente defeituoso está tão complicado de encontrar que parece até com as minhas buscas por peças de Passat) e por enquanto vem me impedindo de acessar meus arquivos, fotos, o software responsável por atualizar o site, etc. Espero resolver tudo nos próximos dias e retomar as atualizações normais.

Enquanto isso, vida que segue com os nossos Passat e no último domingo foi dia do encontro mensal do Museu Conde de Linhares, no Rio de Janeiro. Foi dia também de finalmente testar (e aprovar) o carburador novo que instalei no meu 4M em um trajeto de aproximadamente 60km.

agmh0213_01Mesmo ocorrendo no final de semana seguinte ao carnaval, quando muitos ainda estavam viajando, o número de carros participantes surpreendeu. O escaldante calor carioca também não pareceu problema para os donos dos clássicos, que levaram os “velhinhos” (os carros, que fique bem explicado) para o passeio dominical. Os Passat compareceram em diferentes versões… Dos familiares LS e LSE, passando pelo 4M até chegar aos esportivos TS e GTS Pointer. O exemplar que chamou a atenção foi um inacreditável LS 1980 Verde Pampa, com pouco menos de 44.000km rodados e extremamente original, ainda com plástico no banco traseiro.

agmh0213_02 agmh0213_03Além dos Passat, ainda tivemos a presença de grandes clássicos como Cadillac e Dodge Kingsway, além de esportivos nacionais como Gol GT e SP-2. Até um impecável Monza Classic SE 1993 esteve presente, mostrando que aos poucos os carros dos anos 90 começam a participar dos eventos de antigos. Aguardem alguns dias, que as fotos serão publicadas em nossa área de eventos!

Passat alegórico

Já que o carnaval vai começar, nada mais indicado do que um carro alegórico pra puxar a folia. E cá está ele, preparado pra ganhar as melhores notas em adereços e alegorias…

alegoria01a alegoria01bEste post, além de ser comemorativo ao carnaval de 2013, também faz parte de nossa série “Pelo Street View”. A dica foi do Pedro Ruta Jr., que não pretende fazer nada parecido com isso no Passat dele (ainda bem…).

E se dirigir, não beba…

Um pequeno presente…

Para nós que somos tão preocupados em manter nossos Passat  nas melhores condições possíveis e sabemos das dificuldades em mantê-los assim, é uma grande satisfação ao saber que determinada peça que deixou de ser utilizada em veículos 0km há cerca de 30 anos, ainda é produzida pela mesma empresa que a fazia para a Volkswagen.

solex0kmOntem foi a minha vez de ter uma destas peças finalmente em mãos, ao abrir a caixa amarela e azul da Brosol e enfim ter um “velho” carburador Solex de corpo simples, o mesmo que foi usado em todos os Passat 1.5 entre 1974 e 1982,, novíssimo e produzido em 2012. Vamos ver se enfim resolvo um problema crônico de carburação no meu 4M, cujo carburador original respira com a ajuda de aparelhos em uma CTI, após diversas tentativas de deixá-lo seguramente utilizável. Foram 35 anos de bons serviços prestados em sabe-se lá quantos km… Merece uma digna aposentadoria.

O que me deixa intrigado é como a Brosol ainda produz o carburador que vem completíssimo, incluindo as molas em espiral do afogador automático, mas não disponibiliza estas pequenas peças (incluo aí a própria tampa do afogador automático, o kit completo de reparo, com hastes e tudo o mais, etc.) para o mercado de reposição, sendo que elas nem constam mais em catálogo. Seria uma grande ajuda pra deixarmos em perfeitas condições de funcionamento alguns carburadores ainda plenamente utilizáveis.

Será que a Brosol atenderia um pedido dos proprietários de Passat?

Encontro casual

Há alguns dias publicamos aqui algumas fotos do evento “Esse vale uma foto”, onde eu tive o prazer de seguir meus amigos Abel e Bruno em seus Passat por um passeio pelo bairro carioca da Ilha do Governador. Mas quais as chances de se encontrar por acaso dois Passat do mesmo ano, cor e estado de conservação juntos, sem que os proprietários tenham combinado?

Pois o Abel foi a um shopping em seu TS e enquanto procurava uma vaga… não é que ele encontrou por lá o LS do Bruno estacionado? O Abel não pensou duas vezes, estacionou ao lado e fotografou o momento. Podem não estar exatamente na rua, mas não deixam de merecer um espaço em nossa série “Passat na rua”.

TSLSshoppingUma imagem assim, não é todo dia que se vê… Esses valem uma foto, não? E por falar nisso, as fotos do evento “Esse vale uma foto” já estão devidamente publicadas em nosso site. São 60 imagens pra vocês apreciarem.

Genius!

Meme. As modas e ondas da internet tem uma característica interessante, pois duram pouquíssimo tempo, tanto tempo quanto um celular se mantém atual perante os demais. Os memes podem ser assim classificados, uma moda que surge e se mantém por um curto período.

Para quem não conhece e necessita de uma definicação, memes são modinhas de internet, reproduzidas pelos seus usuários e compartiladas à exaustão, que pode chegar rapidamente a um grande número de pessoas. Pode ser uma atividade, pode ser uma imagem ou um personagem, por fim, qualquer ação sem muita utilidade.

Até orgãos sérios (e sisudos), como o STJ (Superior Tribunal de Justiça), entram na onda. Recentemente o Tribunal fez uso de memes para tentar atingir o público jovem, mas errou ao fazê-lo de forma divertida, porém com o formalismo jurídico de suas decisões. Daí o papel do meme foi pelo caminho errado, pois as informações não eram absorvidas por quem a acessava, apenas àqueles que dominam as letras jurídicas.

Entre os memes mais recentes temos um que publica situações que demonstram que a pessoa conseguiu fazer algo improvável, da forma mais difícil e que poderia ser facilmente resolvido usando a inteligência.

Para demonstrar esse meme, basta uma imagem:

305063_549495768402250_1947561747_n
Ilustração: Saymon Machado

O papel das redes sociais é essencial para a divulgação de ideias e ideiais. Não por acaso a Home Page do Passat vai além do site, com o fórum, o Twitter, a página e o grupo no Facebook. É uma nova forma de comunicação, que se renova a cada dia, hora, minuto.

Tudo é muito rápido, talvez pouco eficaz e pouco do que se produz por esse meio será realmente útil ou lembrado no futuro. Mas tão importante quanto conhecer essa linguagem atual é fazê-la funcionar.

Desafio, pois conciliar diversão com informação é tarefa difícil, problema que deve ter uma solução fácil em algum lugar, mas como sempre faremos do jeito mais difícil. Genius!

Passeio com o Holandês

Holandês Voador… Este é o nome do impecável Passat L 1974 do Cláudio Mazzoni, presidente da Sociedade do Carro Antigo de Barbacena (SCAB). Mas com ele, assim como pra vários amigos passateiros, carro antigo não é apenas enfeite. Carro antigo parado pode até contar alguma história, mas não tanto quanto em uso. E pra curtir um passeio de férias entre as cidades mineiras de Barbacena e São Lourenço, o Holandês Voador foi o escolhido para a missão.

mazzoni01A viagem, conta o Cláudio, teve quase 500km entre ida e volta. E, como era de se esperar, o Passat não apresentou problema algum. Durante o trajeto, ainda encontrou um velho Fusca, já um tanto descuidado, porém ainda firme no batente.

mazzoni02mazzoni03mazzoni04Fica aqui o registro da viagem a bordo de um belíssimo Passat!

Clássicos do Brasil: Passat

Há mais de uma década se alguém buscasse informações sobre carros nacionais deveria contentar-se com revistas de época, sendo que um dos poucos sites específicos sobre um automóvel nacional era a Home Page do Passat.

Desde então, algumas revistas voltadas ao antigomobilismo viraram referência para quem aprecia as histórias dos carros nacionais, demonstrando que há público para esse tema. Livros foram editados e chegou-se até ao ponto de produzir réplicas em miniatura de carros nacionais, para loucura das “crianças”.

Uma das editoras que dedicou-se ao tema é a Alaúde, que já publicou 10 livros sobre autos nacionais, desde a utilitária Kombi até o luxuoso Galaxie. A série não parou por aí e mais cinco livros serão lançados, sendo um deles sobre o VW Passat.

Passat-baixaDois amigos, Heitor Nunes e Luiz Fiorelli Santos contribuíram com o Rogério de Simone, dando informações e sugerindo modificações na obra. Por isso o livro deve estar a salvo de falhas, comuns em publicações sobre Passat e outros modelos.

O Passat da capa não poderia ser outro senão o L 1976 Azul Firenze do Heitor Nunes, que já esteve aqui no blog, destacando-se pelo belo azul e por todo empenho do seu dono ao devolver-lhe a originalidade aos detalhes.

Está interessado na obra? Confira o site da Editora e reserve o seu na pré venda.