Ignição Prematronic

prematronicUm anúncio bem interessante é este do módulo de ignição Prematronic, de maio de 1976 (revista Quatro Rodas). Saudosistas ou não, devemos admtir que a dupla platinado e condensador sempre pode nos pregar algumas peças quando a gente menos imagina. Apesar de barato, o desgaste do platinado é relativamente rápido, exige ajustes periódicos, além de não ser o método mais eficiente de ignição disponível. O módulo da Prematronic mantinha o platinado, porém prolongando sua vida útil, assim como o prazo de regulagem. E como todo módulo de ignição, prometia partidas à frio mais rápidas, marcha lenta mais suave e uma melhor disposição do veículo. Do alto da minha mais profunda ignorância sobre o assunto, creio que seja um sistema parecido com o atualmente famoso módulo de ignição assistida do Tonella, que tem recebido muitos elogios. E a Prematronic também era recomendada em sua época.

Tanto que a própria Volkswagen passou a vender esse módulo, com a marca VW, em sua linha de acessórios. É interessante encontrar informações sobre sua utilização em um site dedicado a Rural Willys, com direito até ao manual de instalação. Tenho um módulo desses, que estava esquecido no estoque de uma concessionária, mas não tive coragem de usar (nem de desenrolar os fios, como podem reparar na foto). Vou deixá-lo como objeto de coleção. Até hoje uma famosa loja de peças de VW vende esses módulos. Claro que o preço não é tão convidativo assim…

Módulo Prematronic vendido pela VW em sua linha de acessórios
Módulo Prematronic vendido pela VW em sua linha de acessórios

Pra quem quiser facilitar a vida e fugir dos problemas de desgaste do platinado, mas não quer trocar todo o sistema, um módulo como esse ou o produzido pelo Tonella pode ser utilizado. Existem também uns pequenos módulos que são instalados no lugar do platinado, também usando todo o restante do sistema original do carro, trazendo ótimos resultados. Seja qual for a sua opção, vale a lembrança desse acessório de época.

Cronologia das versões do Passat

74amareloversoes

Mais uma matéria publicada hoje na Home-Page do Passat. Dessa vez, uma tabela com a lista de versões ao longo de cada ano de produção do Passat. Além das versões, as opções de carrocerias oferecidas a cada ano, motor e opções de combustível.

A intenção dessa vez é não apenas servir como uma fonte rápida de consultas no caso de alguma dúvida, mas também o de desmistificar certas informações erradas que acabam caindo na rede. Não é tão raro, por exemplo, que alguém jure ter um Surf de 3 portas ou um TS 1975. Ou mesmo indagar se é original um motor 1.8 em um Village.

Então, aproveitem e usem a tabela sempre que necessário. E aguardem, que logo teremos mais matéria por aí…

Protótipo 1974

prototipo01Essas fotos começaram a circular rapidamente pelos grupos de Whatsapp, infelizmente sem créditos (se você é o autor das fotos, avise, que eu colocarei os devidos créditos). Um estranhíssimo Passat pick-up com cabine dupla, lanternas, faróis e para-choques dos modelos pós-85, na cor Vermelho Fênix. Não é o primeiro Passat cabine dupla que aparece por aí… E eu tenho a impressão que já vi foto desse carro há alguns anos, em melhor estado do que agora.

prototipo02Com o uso popular do Sinesp, logo verificaram que o documento trata o carro como “MON/Protótipo 1974”, da cidade de Joaçaba (SC), e certamente algumas pessoas se empolgaram pensando ser um protótipo da VW perdido por aí e que foi modernizado. Mas vamos lembrar que um “protótipo” para o Detran é simplesmente um carro que foi feito artesanalmente, ou mesmo a partir de um veículo em que foi dado baixa. Não se empolguem, não é nenhum projeto abandonado pela VW…

Tabela de cores do Passat

cores_destaque

Cor é um assunto que sempre gera muitas dúvidas entre os proprietários de Passat. “Qual o nome da cor do meu Passat? Que azul existia em 1978? Vi um Passat de ano X pintado de Y, era original?”

De fato, era um assunto que sempre mereceu cuidados, mas ao mesmo tempo é muito difícil encontrar informações específicas do Passat, seja na internet ou em material de época. Em geral essas tabelas são feitas com base no Fusca e derivados, dando pouca atenção aos VW refrigerados à água. Daí muitas das tabelas que circulam pela internet tem erros fáceis de detectar ou faltam muitas informações. Com um pouco de força de vontade, além de muita pesquisa e ajuda, a Home-Page do Passat montou uma tabela de cores de todos os anos de produção do Passat, incluindo ainda a linha 1989, de baixa produção (lembrando: o Passat nunca foi produzido em 1989, mas sim unidades 88/89), que o material oficial de época demonstrou que eram as mesmas cores de 1988. Nada surpreendente, já que era um carro fadado a sair de linha.

A tabela conta ainda com o código da cor, que consta nas plaquetas que são fixadas na travessa dianteira, próximo ao fecho do capô. A partir de meados de 1977, os 3 primeiros algarismos dessa plaqueta passaram a indicar a cor que o carro saiu de fábrica. Antes disso, todos os Passat tinham “000” como os primeiros números da plaqueta (motivo pelo qual não constam esses códigos na tabela até 1976). Além disso, há uma lista de versões em que cada cor foi utilizada, já que algumas cores eram exclusivas de certas versões ou não eram utilizadas em modelos mais simples, como Special e Surf.

A tabela de cores ainda não está 100% completa. Os nomes das cores estão todos lá, mas faltam principalmente informações sobre versões entre 1982 e 1984, além de alguns códigos de plaqueta. Quem puder contribuir com informações comprovadas (por meio de catálogos ou publicações de época, por exemplo), fique a vontade para entrar em contato e ajudar mais proprietários de Passat.

Cidadão do Mundo: África do Sul

Um Passat 1977 bem interessante que foi publicado em um grupo do Facebook recentemente… Vem da África do Sul, que até onde sei foi o único país onde essa grade e faróis foram usados no Passat. O exemplar foi levemente modificado com rodas de tala bem larga e um discreto aerofólio na tampa traseira. Reparem também a direção do lado direito, como convém ao país em questão.

cidadao_africadosul01

cidadao_africadosul02