Novela Selva de Pedra: Passat GTS Pointer e Santana CD

Passam as décadas e as novelas continuam fazendo parte do cotidiano do brasileiro. Uma delas foi Selva de Pedra, exibida entre fevereiro e agosto de 1986. Claro, com a chegada do YouTube e os serviços de streaming trazendo variedade de conteúdo e a possibilidade de assistir os programas na hora que a gente quiser, as novelas acabaram perdendo boa parte do seu espaço na audiência. Mas ainda assim, elas continuam sendo um passatempo de muitos brasileiros, além de servir como produto de exportação.

E as novelas e filmes antigos trazem os registros que nos interessam: carros. Já mostramos aqui registros de Passat em filmes nacionais como o Muito Prazer, de 1979, e até imagens de gravação de produções recentes, como a história da apresentadora Hebe Camargo.

O assunto surgiu no nosso grupo do Facebook, trazido inicialmente pelo amigo Saymon Machado, que costuma colaborar com ótimas pesquisas sobre Passat, compartilhando a publicação de Samuel Martins no ótimo Memória VW. O post trazia algumas imagens que são o tema do nosso post de hoje. Posteriormente, o próprio Samuel chegou ao nosso grupo trazendo mais imagens.

A primeira versão de Selva de Pedra foi exibida da Rede Globo entre abril de 1972 e janeiro de 1973. A história, da escritora Janete Clair, se iniciava na pequena cidade de Duas Barras, onde o personagem Cristiano Vilhena se via obrigado a fugir para o Rio de Janeiro após uma briga com um playboy da cidade, que acaba morto. O remake de Selva de Pedra, em 1986 conforme já citado anteriormente, veio com a dura missão de substituir nada menos que Roque Santeiro, que talvez seja até hoje a novela de maior audiência de toda a televisão brasileira.

Na versão de 86, o ator Tony Ramos era o protagonista, no papel de Cristiano Vilhena, interpretado em 1972 por Francisco Cuoco. Outros atores de renome participaram da segunda versão da trama, como Fernanda Torres, Christiane Torloni, Walmor Chagas, Miguel Falabella, entre outros.

Novela Selva de Pedra - Passat GTS Pointer e Santana CD 1986
Passat GTS Pointer e Santana CD em cena da novela Selva de Pedra (1986). Limpando o Passat, a personagem da atriz Iara Jamra.

 

Passat GTS Pointer e Santana CD em Selva de Pedra

Mas… Já passou da hora de carros, não? Pois bem… Já que citamos Roque Santeiro, é difícil pra nós não lembrar que esta foi uma novela que teve grande ação de marketing da Ford. Grande parte dos personagens da história usavam modelos da montadora, desde o já fora de linha Jeep do capanga do Sinhozinho Malta, passando pelo Corcel do Delegado Feijó e pelo Escort XR3 conversível de Tânia, filha de Sinhozinho Malta.

Em Selva de Pedra, quem aproveitou para fazer algumas campanhas de marketing foi a Volkswagen. Apesar disso, carros de outras montadoras estavam presentes na trama. Isso inclui até mesmo uma perseguição entre dois Chevette, fato que leva um deles a cair em um barranco e explodir, como convém a um tradicional acidente televisivo. Mas os carros da Volkswagen ocuparam boa parte dos papéis automotivos importantes.

O que mais interessa a nós, admiradores do Passat, é a cena onde o personagem Horácio, interpretado pelo ator Henri Pagnoncelli, presenteia sua noiva Diva, interpretada pela ótima Iara Jamra, com um novíssimo Passat GTS Pointer na cor Vermelho Fênix. A cena, com aproximadamente 1 minuto de duração, mostra a alegria de Diva ao receber o presente surpresa do noivo.  Dois capítulos depois, há mais uma cena com o Passat, onde Diva aparece limpando o carro enquanto conversa com Cristiano, interpretado por Tony Ramos. Nesta cena vemos também a participação de um belíssimo e igualmente novo Santana CD.

 

Incluímos ao final, inclusive, mesmo que fora da ordem cronológica correta, a cena onde o personagem de Tony Ramos recebe o Santana CD de presente de seu tio Aristides Vilhena, interpretado pelo saudoso Walmor Chagas. Evidentemente não poderiam faltar frases para atingir o público alvo do modelo, como “Um homem da sua posição precisa ter um carro à altura”. Em seguida, o carro é causa alvoroço quando é apresentado a outros personagens.

Muita gente diz que não gosta de novela. E vai mesmo do gosto de cada um. Mas, pra quem gosta de carros antigos, é impossível ficar indiferente a imagens como essas. Não apenas Selva de Pedra, mas qualquer tipo de registro de cinema ou TV dos anos 70 e 80 nos faz aguardar que algum Passat ou outro modelo que nos interessa apareça na tela.

Agradecemos aos amigos e leitores que sempre nos trazem materiais desse tipo e continuaremos em busca de mais cenas com Passat pra deixar registrado aqui na Home-Page do Passat.

Sobre Grigorevski

Fundador da Home-Page do Passat e presidente do Passat Clube - RJ.

Confira também

A menina e o estuprador - 1982

Passat no cinema: “A menina…”

Os leitores da Home-Page do Passat sempre se interessam quando o assunto é ver o ...

Deixe uma resposta